Tribuna 16/11/2015 PDF Imprimir E-mail

Tribuna da Câmara de Vereadores de Estrela

Sessão do Dia 16/11/2015

 

Ernani Luis de Castro (PMDB) – Cumprimentou a todos. Falou sobre a resposta recebida do presidente do sindicato dos trabalhadores rurais de estrela sobre a fraude na venda de adubos. Falou sobre as obras de restauração de vias que a secretaria de obras executou durante o fim de semana. Citou diversas obras que estão em execução em diversos pontos do município. Relatou que a administração segue fazendo investimentos em saúde mesmo quando os governos federal e estadual não fazem os repasses. Ressaltou que a câmara também faz sua parte economizando para retornar ao Executivo recursos, e anunciou que está repassando mais R$102 mil com sugestão de investimentos nas áreas da saúde e educação.

 

Felipe Schossler (PPS) – Cumprimentou a todos. Falou sobre o mutirão de recadastramento dos cartões do SUS que inicia no bairro das Industrias. Falou sobre a parceria entre La Salle e a Secretaria de Desenvolvimento Social, que está realizando um curso preparatório para qualificar mão de obra para suprir demanda em supermercados. Falou sobre os prejuízos causados por temporais como destelhamentos em várias residências em nosso município, e revelou que a SEDESTH investiu mais de R$2 mil em materiais para atender as demandas destas famílias necessitadas, ressaltando que o benefício só é concedido à famílias que comprovem a real necessidade e a incapacidade de arcar com estes custos. Cumprimentou a cooperativa Languirú, que recentemente completou 60 anos, parabenizou diretores, conselheiros e associados. Disse que espera que a questão da fraude no adubo recentemente vendido à agricultores de Estrela, e lembrou que nada é mais normal do que o STR buscar soluções em defesa da sociedade.

 

Paulo Floriano Scheeren (PPS) – Cumprimentou a todos. Relatou uma entrevista do deputado Heitor Schuh, e lamentou que no inicio do ano a policia estava parando motoristas e multando quem não estava em dia com o extintor de incêndio, em seguida a exigência era de um extintor mais moderno, e logo na sequencia o uso do extintor foi dispensado, e agora há informação de um projeto tramitando no congresso pedindo a volta da exigência do extintor de incêndio em veículos. Scheeren criticou que não se resolveu o problema da telefonia, que agora coloca um projeto para contratar um servidor para o setor em função de que o funcionário que lá trabalhava se acidentou, e disse que é preciso pensar melhor, planejar o setor. Lamentou que foi preciso os vereadores se manifestarem para o sindicato se mexer na defesa dos agricultores. Falou sobre a Expowink e revelou que na próxima edição da festa será feita uma sessão solene em homenagem à Nico Fagundes. Falou sobre os 60 anos da Cooperativa Languiru e revelou que em breve a cooperativa será homenageada pelo legislativo. Parabenizou a brigada militar que executa o programa da Brigada Mirim que em breve formarão mais uma turma.

 

Adriano Scheeren (PSB) – Cumprimentou a todos. Falou sobre as melhorias feitas na capatazia da Delfina, e principalmente pelas melhorias feitas pela capatazia, destacando que além dos acessoa à propriedades há mais de 60 km de estradas para manter em dia, lembrando que este trabalho foi intenso este ano devido ás fortes e frequentes chuvas. Lembrou da importância da RS 129. Lamentou que as demandas da comunidade do entorno da RS não são respeitadas pelo DAER, e acusou a autarquia de descaso, pois nem sequer atendem as ligações. Denunciou que há transito de caminhões com sobrepeso, danificando a estrada, e criticou que todos reclamam quando a estrada está ruim, e quando a via está em boas condições muitos acham que é pista de corrida e trafegam em grandes velocidades. Pediu que os motoristas diminuam a velocidade e para que os caminhões não andem com sobrepeso. Pediu que a secretaria de obras para resolver a situação da estrada Alfredo Barth para evitar que algum acidente mais grave ocorra. Pediu patrolamento e colocação de material na mesma via.  Concordou com a importância de homenagear Antonio Fagundes.

 

Marcelo Braun (PSDB) – Cumprimentou a todos. Disse que se o governador tivesse pulso firme de verdade, acabaria com o DAER, alegando ineficácia do departamento. Afirmou que em trechos como em arroio do ouro e na vila são José é a administração municipal, através da secretaria de obras quem fecha os buracos na estrada. Relatou que moradores do bairro Cristo Rei. Élio disse que não é possível atender todos os bairros. Braun disse que espera tempo bom para realização de diversas obras na cidade.