Tribuna 16/09/2013 PDF Imprimir E-mail

Tribuna da Câmara de Vereadores de Estrela

Sessão do Dia 16-09


Lorena Hauschild (PR) – Cumprimentou a todos. Parabenizou a equipe da Secultur que utilizou a tribuna livre no inicio da sessão. Relatou ter recebido questionamentos sobre projeto que aprovaram na ultima sessão, que versava sobre auxílio em reforma de casa. Respondeu que vota de acordo com a sua consciência e não se deixará levar por pressões, quaisquer que sejam. Afirmou que seu voto favorável se deu por acreditar que nenhuma família deve ser despejada, e que o prefeito explicou que a família em questão será realocada em breve. Lorena lembrou da visita dos vereadores à Lativida, na ocasião foi votado um apoio à empresa, e hoje está em situação delicada, e os vereadores deviam prestar uma explicação à comunidade. Em aparte o vereador José Alves explicou que o repasse aprovado pela câmara não foi repassado pelo executivo, e tal valor só seria liberado para o projeto na época apresentado pela empresa, o que não ocorreu. Lorena falou sobre a necessidade de lombadas em vias de grande movimentação da cidade. Em aparte o vereador Gerson reiterou a importância de se ter consciência dos condutores principalmente. Em aparte o vereador Ernani lembrou que na secretaria de obras já há mais de 50 pedidos de quebra-molas, e que se os mesmos forem instalados não vão resolver o problema e ainda vai dificultar o trânsito. Lorena também ressaltou que é importante que os motoristas sejam conscientes. Por fim Lorena falou sobre as reuniões preparatórias para um simulado de emergências químicas que está sendo preparado pela defesa civil.


Marcelo Braun (PSDB) – Cumprimentou a todos. Parabenizou os servidores da Casa de Cultura. Lembrou de um pedido seu, feito em março deste ano sobre a telefonia, relatando qual o patrimônio existente neste setor, e em conversas com o secretário da administração descobriu que não havia nada no almoxarifado. Afirmou ter ouvido denuncias de que moradores ainda não receberam a instalação de fibra ótica, e que o material que estava sendo usado era velho. Marcelo relatou que o secretário da administração o informou recentemente que o equipamento novo já estava no almoxarifado, e que este material de fibra ótica novo estava na casa de um funcionário, e reclamou pedindo que haja mais controle, tanto nesse movimento de material quanto sobre a empresa que administrará a telefonia no interior. Em aparte o vereador Alves questionou se a denuncia era de que o material estava na casa de um funcionário, Braun reiterou e ressaltou que essa situação não é novidade, pois se arrasta desde a administração passada. Braun agradeceu ao DAER que depois de 3 anos pedindo, recentemente foram colocados redutores de velocidade na Linha São José. Em aparte o vereador Ernani de Castro relatou que muitas vezes a população pede, por exemplo, conserto de ruas, e quando o reparo é feito, há reclamação quanto a velocidade impressa pelos veículos.

 

Paulo Floriano Scheeren (PPS) – Cumprimentou a todos. Cumprimentou o secretário Rudimar Haggemann e o colega vereador Andréas pela apresentação dos eventos e projetos desenvolvidos na pasta de cultura. Parabenizou a Banda Municipal e lembrou que foi o ex-prefeito quem manteve a banda em atividade. Sobre a Lativida, Paulo revelou preocupação, pois com a situação da empresa muitos pagamentos não estão sendo feitos, tanto a funcionários quanto aos fornecedores. Em aparte o vereador Gerson ressaltou que o poder Executivo cumpriu seu papel na tentativa de recuperar a empresa, e Scheeren reiterou as palavras do presidente Alves, de que uma empresa só pode receber o auxílio da administração quando ampliar investimentos no município. Paulão concordou com Marcelo Braun sobre a denuncia de irregularidades na instalação de fibra ótica nas comunidades de Arroio do Ouro e Figueira, revelou que investigou o motivo de a empresa vencedora da licitação estava instalando fios velhos nas comunidades, pois segundo apurou o vereador a fiação nova foi pedido que fosse instalada na BR 386. Ressaltou que isso é crime e que já reuniu o material necessário para entrar junto ao ministério público. Denunciou que um funcionário da prefeitura que foi demitido na ultima administração e recontratado pela atual, agora foi demitido novamente para abrir uma empresa de prestação de serviços. Pediu ao vereador Élio Kunzler sobre a máquina Poclain do governo do Estado, que deveria fazer 80 açudes e fez somente 3. Elio respondeu que a máquina estava com muitos problemas e foi devolvida ao governo. Paulão questionou sobre as máquinas com verba federal que foram devolvidas pois a administração não cumpriu com a contrapartida.

 

Felipe Schossler (PPS) – Cumprimentou a todos. Parabenizou o secretário de Cultura e Turismo. Schossler falou sobre os horários de carga e descarga nos locais de movimentação comercial. Revelou que no horário atual há pouco tempo para que se faça a carga e descarga de mercadoria, e também existem poucos pontos para essa prática, pois segundo o edil há reclamações do comércio. Reiterou que é trabalho do vereador acompanhar a ajudar as empresas do município, que geram emprego e renda. E falou sobre o projeto que extingue cargos na administração, mas questionou que só os cargos que não estavam ocupados serão extintos. Questionou novamente sobre informações acerca do numero de CC’s na atual administração, pois afirma que o jeito para conseguir mais dinheiro para obras e investimentos é enxugando a folha de pagamento. Convidou os presentes para programação do CTG Estrela do rio Grande. Fez referencias a fala de um ministro de que este não estaria preocupado com a opinião pública, mas Schossler afirmou que o ministro deveria se preocupar pois o Supremo é pago pelos contribuintes.

 

José Itamar Alves (PTB) – Cumprimentou a todos. Falou sobre a entrega de R$ 60 mil devolvidos pelo legislativo ao Executivo na ultima semana, e lembrou que o legislativo pediu que desse montante fosse destinado R$5 mil para a Brigada Militar, para o projeto Brigada Mirim. Alves reiterou que graças ao esforço dos vereadores foi possível devolver esse ano para a administração, R$ 110 mil. Falou sobre notícia veiculada esta semana sobre os seis meses de gestão da EGR em muitas estradas gauchas, afirmando ser vergonhosa a situação. Alves lembrou pedidos que foram recebidos de instalação de dois quebra-molas na mesma rua, mas que o que é preciso para resolver é a conscientização dos condutores. Alves parabenizou o vereador Paulão por estar bem assessorado, pois o vereador estava informado até de que as máquinas foram devolvidas a noite. Reiterou que se essa denuncia partiu da oposição, que está chateada por ter perdido a “teta” no governo, e que se essa denuncia se confirmar ele cobrará o prefeito diretamente. Mas ressaltou que essas denuncias são ocasionadas por dor de cotovelo. Falou sobre a outra denuncias quanto a telefonia e de que também é uma situação que terá sua atenção. Em aparte o vereador Paulão reiterou que não é contra as máquinas, apenas denuncia a irregularidade na licitação.

 

Adriano Scheeren (PSB) – Cumprimentou a todos. Agradeceu pelo atendimento recebido pelo DAER em operação de Tapa buracos em Arroio do Ouro. Falou sobre o roteiro e horários de ônibus na empresa Fátima, que finalmente conseguiu autorização junto ao DAER para readequar os horários em especial nas comunidades de Arroio do Ouro e Figueira. Falou sobre a Creche Pingo de Gente que tem uma rua muito estreita, e isso oferece perigo pois caminhões transitam por ali, havendo diversos registros de pequenos acidentes , e que um estudo já foi feito e que em breve o problema deve ser resolvido. Também sobre a telefonia, revelou que acompanhou o trabalho feito na ultima sexta-feira e constatou que algo não estava certo pois o cabo sendo instalado era velho. Criticou a postura do vereador Paulão por procurar a imprensa para fazer denuncia antes de procurar a administração, pois o próprio vereador era responsável pela secretaria que geria este setor de telefonia rural. Em aparte o vereador Paulão questionou o que Adriano faria em seu lugar. Adriano Scheeren lembrou que o funcionário demitido que estava com material em sua casa foi funcionário da pasta administrada por Paulão na administração passada, Paulão defendeu-se dizendo que não sabia que o funcionário levava material para casa.

 

Luiz Fernando Schneider (PMDB) – Cumprimentou a todos. Parabenizou o trabalho da secretaria de cultura e turismo. Sobre a questão do trânsito já citada na sessão por outros colegas, e reiterou que lombadas, redutores e quebra-molas não vão agradar a todos. E lembrou que a cidade não foi projetada para o fluxo atual de veículos, e que em breve serão efetuadas melhorias no trânsito do município. Sobre a situação das máquinas, revelou uma conversa com o vereador Paulão sobre o tema, inclusive tendo cedido cópias das atas da licitação das máquinas ao colega Scheeren, e disse não entender o porquê desse assunto ser levantado novamente pelo colega. Sobre a telefonia afirmou que tanto Adriano quanto Paulão estão certos, mas reiterou que o caminho para a solução é buscar a administração antes da imprensa. Afirmou que o esclarecimento dessas questões será buscado junto às secretarias correspondentes. Schneider relatou reunião com o secretário da Saúde , quando recebeu o relatório de atividades da pasta e relembrou alguns números do orçamento da secretaria, inclusive que o investimento total ficou abaixo do que é exigido por lei, mas que foi tranquilizado, pois no segundo semestre está previsto um investimento superior ao exigido, para compensar. Lui Schneider comentou alguns números de atendimentos na rede pública de saúde municipal. Por fim falou sobre os investimentos que serão feitos na área da saúde.

 

Gerson Adriano da Silva (PT) - Cumprimentou a todos. Falou sobre a apresentação da Secultur sobre os trabalhos desenvolvidos pela pasta. Falou sobre o programa de saúde bucal para o funcionalismo público. Falou sobre o projeto da Brigada Militar junto aos jovens, em especial o projeto Brigada Mirim, que educa as crianças não só a serem cidadãos, mas também a futuramente serem motoristas responsáveis. Elogiou o Brechó Solidário organizado pelo gabinete da primeira dama, que ocorreu no fim de semana e teve o apoio do LIONS Club em diversas ações no município.